Projeto Atletas do Futuro incentiva jovens através do jiu-jitsu e ganha destaque

Com 70 alunos inscritos no momento, academia vem conquistando medalhas no cenário

O projeto Atletas do Futuro vem gerando frutos em Anápolis. O Centro de Treinamento Jonatas Romeu, no Bairro Antônio Fernandes, utiliza o jiu-jitsu como forma de edificação de jovens de 4 a 17 anos. Entre o fim de abril e o começo de maio, 17 atletas da academia disputaram o Sul-Americano GI NOGI CBJJE, em São Paulo, e 14 saíram com medalhas.

Atletas do Futuro

O projeto Atletas do Futuro tomou forma em abril de 2021. “A ideia nasceu por ver a necessidade de esporte na vida das crianças e a inviabilidade, por ser um esporte muito caro. As roupas necessárias para o esporte são caras. Sempre busquei melhorar a vida das crianças através do esporte”, explica o instrutor Jonatas Romeu ao DE.

• Compartilhe essa notícia no Whatsapp• Compartilhe essa notícia no Telegram

Desde então, as proporções foram aumentando. De acordo com Jonatas, o projeto é particular. Muitas vezes ele precisa tirar dinheiro do próprio bolso a fim de pagar os aluguéis e inscrições em campeonatos. A primeira turma reúne alunos de 4 a 10 anos, e a segunda é composta por aqueles entre 11 e 17 anos.

LEIA TAMBÉM

• Com dupla ‘Lei do Ex’, Atlético-GO é derrotado pelo São Paulo• Tráfico de drogas e armas corre solto nas plataformas digitais• Correios realizam leilão de 289 motocicletas em Goiás

Por isso, a ajuda financeira é primordial para a continuidade dos Atletas do Futuro. O Governo de Goiás e um amigo de Jonatas na iniciativa privada doaram 60 kimonos em março deste ano. Contudo, o instrutor salienta. “Precisamos de equipamentos esportivos, não apenas dinheiro”, conta.

No momento, o projeto engloba apenas alunos de Anápolis. Segundo Jonatas, há essa restrição por não ter transporte. Se tivesse, o espaço seria maior e poderia encaixar 200 alunos. Atualmente, 70 atletas participam e as vagas estão cheias. Em julho, provavelmente novas matrículas ficarão disponíveis.

O Sul-Americano em São Paulo

Sul-Americano GI NOGI CBJJE
O palco do Sul-Americano GI NOGI CBJJE, em São Paulo (Foto: Cortesia para o DE)

Há quase duas semanas, os alunos dos Atletas do Futuro brilharam em um torneio de São Paulo, o Sul-Americano GI NOGI CBJJE.

Miguel Elias, Ana Clara, Gabriel Henrique e Leonardo Carvalho faturaram medalhas de ouro. Ana Júlia, Mateus Rocha, Eloah Farias, Moisés Petrick e Lorena Araújo ganharam a prata. Elise Farias, Maria Fernanda, Enzo Rian, Enzo Leite e Júlio César ficaram com o bronze. Maycon Wilker, Gabriel Aires e Ruan Pablo não conquistaram medalhas, mas representaram Goiás em solo paulista. O próximo foco é o Mundial, no fim do ano.

Tags: