Radar: MP estratégica

O senador Wilder Morais (PP) teve o nome confirmado para a liderança do bloco PP-PSD no Senado e para a vice-liderança do Governo. Ontem, Wilder comemorou aprovação da Medida Provisória 752, que permite uma nova licitação do projeto de duplicação da BR 153, tirando das mãos da empresa Galvão Engenharia, citada na Lava-Jato, e também viabiliza a conclusão de trecho da ferrovia Norte-Sul entre Palmas (TO) e Anápolis (GO), o que vai permitir o escoamento da produção goiana de grãos até os portos do Maranhão.

Futebol de excelências

Comandados por Lívio Luciano (PMDB) e Diego Sorgatto (PSD), deputados estaduais jogaram ontem contra os vereadores de Goiânia.

Salários na geladeira

No Rio Grande do Sul, o governo do Estado introduziu um tremendo abacaxi na LDO para 2018. Ou seja, o congelamento salarial de servidores do Executivo, Legislativo e Judiciário, além do Ministério Público, Tribunal de Contas e Defensoria Pública.

Realidade diferente

Em Goiás, vale lembrar, Marconi Perillo vem pagando salários como manda a lei, incluindo 13º no mês de nascimento dos servidores.

Polêmica da PEC

Do deputado Santana Gomes (PSL), ontem, da tribuna da Assembleia Legislativa: “Sou contra esse negócio de showzinho de cargos”.

Dia tenso

O Interrogatório de Lula esvaziou ontem o Congresso Nacional. Metade a bancada federal petista viajou para Curitiba.

Pintou acordo

Ontem, na Assembleia Legislativa, o G6 – grupo de parlamentares da base que resistiam à aprovação da PEC do Teto de Gastos – anunciou acordo para votação do projeto, após reunião com o governador Marconi Perillo.

Pontos negociados

São eles: Manutenção do quinquênio, garantia de realização de concurso público na Saúde e Educação e dos incentivos fiscais, envio de cinco projetos  para fortalecimento da Educação, redução do prazo de proibição de novas promoções de 5 ara 3 anos, exceto para a Saúde e Segurança, que não serão atingidas pelas mudanças.

Preservação de direitos

Segundo os parlamentares, as emendas garantem aos servidores, ao final de três anos, R$ 200 milhões em forma de manutenção de direitos.

Apagando velinhas

Marconi Perillo confirmou presença hoje nas comemorações do aniversário de Aparecida de Goiânia, ao lado do prefeito Gustavo Mendanha (PMDB).

Frase do dia

“Mexer em direitos da gestante, especialmente em relação à insalubridade, é um dano muito grande para a própria sociedade”. (Lúcia Vânia (PSB), senadora).

Circulando

Pré-candidato a deputado federal, o professor Alcides Ribeiro (PSDB) pediu empurrãozinho de Marconi arregimentar apoios em Goiatuba, onde esteve na terça-feira.

Fundo do poço

A Procuradoria Geral da Fazenda Nacional revelou na semana passada que integrantes da atual legislatura no Congresso estão diretamente envolvidos na sonegação de pelo menos R$ 878 milhões.

Sonegadores de impostos

Para se ter ideia, a cobrança atinge 21% da Câmara e 22% do Senado, num total de mais de cem parlamentares que a Receita considera sonegadores.

Opiniões divergentes

O governador Marconi Perillo e o secretário Vilmar Rocha (Secima) trabalham para ampliar o Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros, com iniciativas junto ao governo federal e aval do governo de Goiás. Precisam, no entanto, contornar um foco de oposição a essa medida surgida dentro do próprio governo.

Goiano no CN-MP

Ex-procurador-geral de Justiça de Goiás, Lauro Machado Nogueira foi sabatinado ontem pelo Senado para ocupar vaga no Conselho Nacional do Ministério Público. Foi aprovado com louvor.

Fazendo a feira

Além de pepinos, alfaces e abacaxis, um novo produto estava em oferta ontem na Feira do Atheneu Dom Bosco, nos fundos da Assembleia Legislativa. Nada mais, nada menos, do que camisetas com a estampa do Sérgio Moro, o juiz durão que colheu ontem o depoimento do ex-presidente Lula, em Curitiba.

Tags: