Home»Cotidiano»Reviravolta no caso da mulher encontrada nua e ensanguentada em Abadia de Goiás

A Polícia Civil apurou que a mulher pegou uma viagem com o motorista de aplicativo e, no meio do caminho, ele começou a agredi-la

0
Shares
Pinterest Google+ Whatsapp
(62) 9 8219-1904 Fale com o Diário do Estado

No dia 09 de janeiro, uma mulher foi encontrada nua e ensanguentada, com o rosto deformado, em Abadia de Goiás. Ela foi levada para o hospital em estado grave. Um motorista de aplicativo afirmou em uma delegacia que foi assaltado por três pessoas, sendo um dos assaltantes uma mulher. Segundo ele, a mulher teria discutido com os comparsas e foi agredida. O motorista afirma que conseguiu reagir às agressões de um dos assaltantes e correr para o mato.

Com a alta hospitalar da vítima, a Polícia Civil apurou que na verdade essa mulher pegou uma viagem com o motorista e, no meio do caminho, ele começou a agredi-la. Porém, ela já não se lembra de mais nada. Assim, ficou comprovado que o motorista é quem foi o autor das agressões contra a passageira.

A prisão do motorista do aplicativo foi realizada no fim da tarde desta quinta-feira (14), e hoje ele será apresentado pela polícia. Em vídeo, Silomar Santos do Lago confessou a prática criminosa, afirmando que a agrediu com socos. E, para tentar matá-la, desferiu vários golpes com o macaco do carro.

Newsletter do Jornal Diário do Estado – Assine já!

Comente á vontade!