RJ: Homem é preso por estuprar e manter garotas de programa em cárcere privado

Ás vítimas eram contratadas através de aplicativos e sites. Quando chegavam na casa do autor, eram presas em uma espécie de calabouço

Nesta quarta-feira (22), Policiais Civis da 58ª DP do Rio de Janeiro, efetuaram a prisão de uma homem acusado de estuprar e manter garotas de programa em cárcere privado. Os mandados de prisão temporária contra o autor foram cumpridos em sua casa.

As investigações começaram após denúncias de uma das vítimas que procurou a delegacia informando que, no dia 18 desde mês, teria sido violentada pelo indivíduo e mantida em cárcere privado. De acordo com os agentes, ele contratava as mulheres através de aplicativos e sites e, quando chegavam em sua residência, elas eram rendidas com um revólver.

• Compartilhe essa notícia no Whatsapp• Compartilhe essa notícia no Telegram

No local, o homem obrigava as vítimas a terem relações sexuais com ele, enquanto eram mantidas presas dentro da casa em uma espécie de calabouço. Elas tinha seus celular subtraídos para não manterem contato com ninguém.

LEIA TAMBÉM

• Senado: Romário lidera no RJ, Flávia Arruda está à frente no DF• Pesquisa Ipec: PT lidera em São Paulo e PL, no Rio de Janeiro• Preso homem que roubou carro e torturou vítima durante três dias, em Goiânia

Na residência do acusado foram encontrados documentos falsos, cartões de crédito em nome de várias pessoas e máquinas de cartão. Todo o material foi apreendido e será investigado.

Pelo menos cinco vítimas foram identificadas, mas investigados indicam que o número é maior.

Tags: