Rússia registra recorde diário de mortes e casos positivos de Covid-19

A Rússia registrou 31.299 casos positivos e 986 mortes por causa do coronavírus. A vacinação segue lentamente no país

A Rússia registrou um recorde diário de novos casos e de mortes pela Covid-19 nas últimas 24 horas. O país está sendo atingido com força na volta da pandemia devido à lentidão na vacinação e às poucas restrições sanitárias em vigor.

Segundo o balanço do governo russo, nas últimas horas foram 31.299 casos e 986 mortes por causa do coronavírus. São número inéditos desde o início da pandemia no país. De acordo com o governo, até o momento, a Rússia acumula mais de 220.00 mortes por covid-19, embora os números reais sejam bem maiores.

O instituto de estatística Rosstat, que aplica método mais amplo na contagem de óbitos pela covid-19, afirma que o total passa de 400.00.

A cidade mais afetada nas últimas horas foi a capital Moscou, com 6.712 novos casos e 72 mortes, seguida pela cidade de São Petersburgo.

Mikhail Murashko, ministro da Saúde, considerou que a culpa por toda a situação é do ”comportamento da população e da vacinação”, que avança muito lentamente, apesar de haver várias vacinas nacionais.

“Temos que parar com isso, fazendo esforços conjuntos”, pediu. Restrições sanitárias severas estão desconsiderada para não paralisar a economia.

Rússia se encontra em 5º lugar no rank de casos, ficando atrás do México, Índia, Brasil e EUA.

Covid-19 no Brasil

Na quarta-feira (14), o Brasil registrou 176 óbitos pela doença e 7.852 casos confirmados nas últimas 24 horas.

De acordo com o Ministério da Saúde, até o momento foram aplicadas mais de 249 milhões de doses no Brasil. Dessas, mais de 97 milhões já receberam as duas doses ou a dose única.

Tags: