Série documental homenageia Nara Leão com momentos inéditos

A artista foi uma das cantoras revolucionária do bossa nova e morreu em 1989, aos 47 anos

Uma das revolucionárias do bossa nova, Nara Leão ganhou uma série documental ”O canto livre de Nara Leão”, disponível no Globoplay. A produção mostra como o talento e personalidade da artista se combinaram ao provocar transformação tanto na música quanto no comportamento de quem a admirava.

Dirigida por Renato Terra, o documentário entrevista pessoas que conviveram com Nara e traz uma enorme pesquisa de imagens, fotos e arquivos – muitos inéditos. A artista completaria 80 anos, em 19 de janeiro.

• Compartilhe essa notícia no Whatsapp• Compartilhe essa notícia no Telegram

“Nara foi uma cantora brilhante. Mas sua importância não se resume à música. Suas entrevistas, muitas vezes, pautavam as conversas em todo país. Ela confrontava os críticos que queriam rotular e limitar o seu trabalho. Com inteligência e delicadeza, sempre fez o que quis na sua arte e na sua vida pessoal. Na maneira de vestir, de contestar, de falar, de se impor. Quis trazer esse jeito suave e contundente da Nara para ajudar a contar essa história”, declara o diretor do documentário.

Divida em cinco episódios, a série documental mostra as diversas fases de Nara Leão, na música e na vida íntima. Conta com depoimentos de artistas como Chico Buarque, Roberto Menescal, Paulinho da Viola, Maria Bethânia, Edu Lobo, Dori Caymmi, Marieta Severo e Fagner, entre outros. Além disso, também participam o marido de artista, Cacá Diegues, responsável por um íntimo depoimento sobre a relação.

LEIA TAMBÉM

• Globoplay vai produzir novela de Lampião e Maria Bonita; previsão é 2024• Novela Pantanal pega a audiência pela saudade de tempos mais simples• O Golpista do Tinder expõe a profundidade da masculinidade tóxica

A filha do casal, Isabel Diegues também participa da série com seu depoimento e também como consultora do documentário. Os capítulos contam com imagens de acervos variados, entre materiais raros e alguns inéditos, como arquivos da ditadura que foram descobertos recentemente.

Tags: