Jornal Diário do Estado

Surto de Salmonella provoca retirada de Kinder Ovo do comércio no Reino Unido

A Agência de Segurança de Saúde e a Agência de Padrões Alimentares do Reino Unido emitiram um alerta sobre lotes de ovos de chocolate Kinder Surpresa por uma suspeita de Samonella. A empresa Ferrero, fabricante da Kinder, recolheu os produtos após 57 casos de infecção serem confirmados no Reino Unido, a maioria dos casos foi registrado em crianças de cinco anos ou menos.

Após os casos e o alerta emitido, a empresa Ferrero publicou um comunicado enviado a mídia estrangeira, onde ressaltou que nenhum dos produtos Kinder testou positivo para Salmonella. “Embora não tenhamos recebido reclamações de consumidores, estamos levando isso extremamente a sério”, escreveu a empresa no comunicado.

Segundo a Ferrero, outros produtos da Kinder e da própria Ferrero não foram afetados. “Para reduzir o risco de qualquer doença adicional, os consumidores não devem comer os produtos listados no alerta de recall e eles/os pais ou responsáveis pelas crianças devem seguir os conselhos de risco contidos nos produtos”.

A ligação de casos de Salmonella e ovos Kinder foi encontrada após investigações lideradas pelas agências de saúde do Reino Unido, Escócia, País de Gales e Irlanda do Norte.

No Reino Unido, a Ferrero realizou um recall nos lotes de Kinder Surpresa individual ou em embalagem com três, com datas de validade entre os dias 11 de julho de 2022 e 7 de outubro de 2022. O recall acontece semanas antes da Páscoa, quando fabricantes de chocolate preveem aumentos nas vendas.

O que é a Salmonella

A Salmonella é uma doença bacteriana que infecta o intestino e pode causar gastroenterite. Os sintomas de quem contraiu a doença incluem diarreia, cólicas estomacais e, às vezes, vômito e febre.

Em média os sintomas se desenvolvem entre 12 e 72 horas após a ingestão de uma dose de alimento infectado por salmonella.