Três pessoas são indiciadas pela morte do filho da prefeita de Baliza

João Victor Nolasco foi vítima de choque elétrico durante a reforma de uma escola na cidade

Três pessoas foram indiciadas pelo acidente que causou a morte do filho da prefeita de Baliza, região Noroeste de Goiás, Fernanda Nolasco (UB). João Victor Nolasco, de 21 anos, morreu após levar um choque elétrico durante a reforma de uma escola na cidade.

De acordo com a Polícia Civil (PC), os suspeitos foram indiciados por homicídio culposo. Entre os acusados estão: o dono de uma empresa contratada para a reforma, um prestador de serviço terceirizado e uma pessoa responsável por fazer a fiscalização da obra.

• Compartilhe essa notícia no Whatsapp• Compartilhe essa notícia no Telegram

Segundo o delegado Fábio Marques, explicou que João Victor era funcionário de um prestador de serviços da cidade. Ele morreu após receber uma descarga elétrica ao manusear um betoneira que, segundo os investigadores, estava em “péssimo estado de conservação.”

LEIA TAMBÉM

• Em Goiânia, literatura ganha impulso com redes sociais e adaptações de TV e cinema• Pai de ex-BBB morre em acidente de trânsito neste sábado, 13, em Goiás• Goiás chega a marca de 60 casos confirmados de varíola dos macacos

Ainda durante a apuração, a polícia também constatou que a empresa contratada não fornecia equipamentos de proteção individual (EPI) aos empregados.

Conforme delegado, cada indiciado tem uma parcela de culpa pela morte do filho da prefeita, ocorrida no dia 28 de janeiro, na Escola Estadual Dr. José Feliciano Ferreira.

Na época, o Governador Ronaldo Caiado lamentou a morte do garoto.

“É com imenso pesar que @gracinhacaiado e eu recebemos a notícia do falecimento de João Victor Nolasco, filho da prefeita de Baliza, Fernanda Nolasco. O jovem foi vítima de um choque elétrico enquanto reformava uma das escolas do município.

Muito querido, trabalhador e prestativo, João Victor, de apenas 21 anos, deixará saudades não apenas para familiares, mas para toda comunidade de Baliza, localizada no nosso Noroeste Goiano.

Nossos sinceros sentimentos à família, amigos, e principalmente à minha amiga Fernanda. Que Deus, em sua infinita bondade, conforte os corações de todos os enlutados”, escreveu Caiado.

Tags: