Vídeo: Coach tentar fazer mulher andar durante evento evangélico em Goiânia

O vídeo foi gravado durante um evento evangélico que ocorreu no final do ano. O coach também é responsável por deixar 32 pessoas em perigo durante uma expedição

Responsável por colocar 32 pessoas em perigo durante uma expedição ao topo do Pico dos Marins, em São Paulo, o coach motivacional Pablo Marçal surpreendeu novamente a internet ao tentar fazer uma cadeirante andar. A tentativa aconteceu em 2021, em Goiânia durante um evento onde os ingressos custavam R$ 977.

Em vídeo divulgado na internet, o coach aparece em uma igreja evangélica tentando fazer a cadeirante andar. Na gravação é possível ver Pablo colocando a mulher em uma situação extremamente constrangedora ao pedir que ela se levante da cadeira de rodas após ela dizer que “quer dançar com Jesus”. Segurada por outras pessoas, a mulher, que não tem o movimento das pernas, permanece parada.

• Compartilhe essa notícia no Whatsapp• Compartilhe essa notícia no Telegram

”Em nome de Jesus. Se concentra. Tira esse estado de curiosidade e concentra na poderá, manifesta, a glória dele”. Ao perceber que nada acontecia, ele solta um ”caramba” e coloca a culpa na plateia.

LEIA TAMBÉM

• Goiás registra um estupro de criança ou adolescente a cada quatro horas• Covid-19: veja onde se imunizar neste sábado, 2, em Goiânia• Número 2 da Caixa Econômica também é exonerado

Depois, ele começa a dizer palavras emocionais para que o ”milagre” aconteça. ”Abre os olhos. Dá um passo para você pegar na mão dele. Solta a sua perna direita”, diz a mulher que, segurada por outros fiéis, permanece parada.

”O que você sente?”, Pablo pergunta à ela. ”Vontade de dar um passo”, responde a mulher. ”Vontade, vai”, diz o coach. A fiel não consegue se movimentar e volta a ser colocada na cadeira de rodas pelos fiéis.

Assista o vídeo:

O momento aconteceu durante o evento ”O Chamado dos generais”, que aconteceu em 29 de dezembro de 2021, em Goiânia. De acordo com a descrição, foram “12h de imersão, pensadas para transformar a vida dos participantes, na qual abordará conteúdos mais profundos sobre inteligência emocional, espiritual e intelectual”

O evento teve um público de cerca de 15 mil pessoas, os ingressos custavam de R$ 97 + taxas até R$ 977 + taxas.

Coach já colocou 32 pessoas em risco durante expedição, em São Paulo

32 pessoas foram resgatadas no topo do Pico dos Marins, no interior de São Paulo, durante uma expedição da qual Marçal foi líder. O Corpo de Bombeiros teve que subir até o topo para realizar o resgate enquanto o coach tentou amenizar a situação.

Durante uma live no Youtube realizada um dia após o resgate, ele afirmou que “não mandou ninguém subir” e que “cada um estava sob a própria responsabilidade.”

“Algumas pessoas não suportam quem corre risco. Se você é uma pessoa que não corre risco, dificilmente você vai governar ou chegar no topo. Na nossa subida ontem na montanha, a gente correu muito risco. Aí alguém me fala: ‘Mas pra que correr risco?’ Se você não quer correr risco, fica na sua casa assistindo os stories”, disse.

Segundo o G1, o Corpo de Bombeiros criticou a situação e considerou a ação de alto risco, já que a subida da montanha é recomendada apenas durante o período de estiagem, com guia e equipamentos de segurança.

O resgate ocorreu por volta das 2h30, depois que o grupo teve as barracas arrastadas pela ventania e as pessoas ficaram molhadas, sobe o risco de hipotermia já que, à noite, o frio no pico chega perto de 0ºC.

As 32 pessoas que foram resgatadas participavam de um treinamento motivacional do coach. Originalmente, a expedição contava com 60 integrantes, mas quase a metade deles desistiu da expedição, seja por cansaço ou pelas más condições do tempo.