Vídeo: Empresário de Anápolis suspeito de aplicar golpe de R$ 50 milhões é preso tentando fugir do país

Polícia acredita que estelionatário tenha feito mais de 2 mil vítimas. Até o momento, 50 investidores procuraram a polícia

O empresário Henrique Saccomori Ramos, de 29 anos anos, e a esposa Fernanda Amatte Oliveira, de 30 anos, foram presos neste sábado (2) enquanto tentavam embarcar para Portugal, no Aeroporto Internacional de Guarulhos, em São Paulo. Segundo o delegado responsável pelo caso, Jorge Bezerra, o casal é investigado por  aplicar golpes em mais de dois mil investidores utilizando uma empresa falsa de apostas esportivas, em Anápolis. Os valores ultrapassam os R$ 50 milhões. Até o momento, 50 pessoas procuraram a delegacia.

Conforme o investigador, os suspeitos recebiam grandes montantes em dinheiro dos investidores, que acreditavam em lucros garantidos. Porém, no dia 29 de março, os investidores procuraram a delegacia alegando ter perdido 99% dos valores investidos. Disseram ainda que Henrique e Fernanda haviam fugido, sem dar satisfação sobre o dinheiro ‘perdido’.

• Compartilhe essa notícia no Whatsapp• Compartilhe essa notícia no Telegram

“O crime era um esquema de pirâmide. Parte do dinheiro investido pelas vítimas ficavam com o investigado e a outra parte era enviada para outras vítimas a titulo de saque. Ou seja, elas pensavam que estavam ganhando dinheiro, mas na verdade estavam sendo enganadas. No momento em que a situação ficou insustentável, ele começou a inventar essas mentiras dizendo que ele havia sido vítima de estelionato, além de dizer que foi sequestrado pela máfia italiana e falar que perdeu tudo em uma aposta”, explicou.

LEIA TAMBÉM

• Após entrave com Eduardo Bolsonaro, Tiririca muda de número para eleições• Pesquisa Ipec: PT lidera em São Paulo e PL, no Rio de Janeiro• Encontros e relações a partir da Internet exigem cada vez mais cautela e cuidado

Prisão

O casal foi preso em São Paulo pela Polícia Civil (PC) faltando apenas uma hora para o embarque com destino ao País Europeu. Depois de serem presos, eles foram transferidos para o presídio de Anápolis na manhã deste segunda-feira (04).

“O empresário pode responder por três crimes: lavagem de dinheiros de capitais, destinatário e crime contra a economia pública. Caso seja condenado, ele pode pegar uma pena de até 25 anos de prisão, além de multa”, concluiu.

Veja o vídeo do momento da prisão:

Tags: