Vídeo: Lázaro queria ver os filhos antes de fugir

Revelação foi feita pela ex-mulher e pela viúva

Pouco tempo antes de morrer, o fugitivo Lázaro Barbosa de Sousa, de 32 anos, contou para a ex-mulher Luana que iria fugir para Brasília. Ele deixou 300 reais para o filho e pediu o celular para falar com a esposa Ellen. Para ela, pediu que ela levasse a filha até Águas Lindas para que ele a visse. A esposa disse que não levaria por causa do perigo e pediu que ele se entregasse para que pudesse ver a criança. Pouco tempo depois ele saiu da casa de Luana e teria trocado tiros com a PM. A informação foi dada ao jornalista Roberto Cabrini da TV Record.

A ex-mulher de Lázaro e a mãe dela chegaram a ser levadas para a Delegacia de Águas Lindas de Goiás, suspeitas de ajudar na fuga de Lázaro. Luana negou qualquer tipo de ajuda. “Nem eu nem a Ellen ajudamos o Lázaro. Ele apareceu aqui, conversamos rapidamente e ele foi embora. Voltou uns 20 minutos depois e pediu meu telefone. Depois foi embora sem se despedir.

Os vizinhos tinham denunciado que ele estava lá. A polícia chegou agredindo, meteram a bicuda na porta e acusaram a gente de esconder ele lá. É mentira. Não temos envolvimento com isso”, alegou Luana, que afirmou ainda que havia visto o ex-marido pela última vez no dia 5 de janeiro.

* Rosana Melo, especial para o Diário do Estado 

 

Tags: