Vídeo: Manifestantes invadem sede da Aprosoja em Brasília

Os manifestantes denunciam que o aumento da fome no Brasil é uma estratégia política do governo Bolsonaro.

O escritório de associações do agronegócio foi invadido na manhã desta quinta-feira (14), em Brasília. Há pichações dentro e fora do prédio. Manifestantes pintaram, em vários pontos das instalações, frases como “fora Bolsonaro”, “soja não enche prato” e “soja é morte”.

Os manifestantes fazem parte do Movimento Via Campesina Brasil, braço do MST. A organização assumiu a autoria da ação, afirmando que ocorreram protestos em “cinco regiões do país em denúncia ao atual contexto do aumento da fome no Brasil, que faz parte da estratégia política do governo Bolsonaro”.

Pelo Twitter, uma de suas representantes fez um post em que afirma que esta “ação faz parte da Jornada Nacional da Soberania Alimentar que denuncia Agronegócio do país”.

“Trata-se de uma uma bela demonstração de como devemos tratar o Agronegócio”, disse.

A Associação dos Produtores de Soja e Milho de Mato Grosso (Aprosoja-MT) repudiou a ação dos vândalos que picharam e depredaram a sede em Brasília. A diretoria aguarda as investigações e providências das autoridades na identificação dos manifestantes.

Confira o vídeo:

 

Tags: