Jornal Diário do Estado

Prefeito denunciado por tentar matar a ex assina decreto nomeando novo gestor

Naçoitan Araújo Leite, foi deitido suspeito de ter invadido a casa da ex-esposa com sua própria caminhonete e feito cerca de 15 disparos de arma de fogo, contra ela e o atual namorado

O ex-prefeito de Iporá, Naçoitan Leite (sem partido), atualmente detido e alvo de denúncias do Ministério Público por suposta tentativa de homicídio contra a ex-companheira e atual namorado, emitiu um decreto designando um novo “gestor da administração pública municipal” para a cidade. O escolhido para assumir a posição é o ex-prefeito e atual secretário de Agricultura, Indústria e Comércio, Danilo Gleic.

Entenda o caso

Naçoitan Araújo Leite, foi preso suspeito de ter invadido a casa da ex-esposa com sua própria caminhonete e feito cerca de 15 disparos de arma de fogo, contra ela e o atual namorado, e fugindo em sequência. 

Segundo a Polícia Civil de Goiás (PCGO), Naçoitan realizou o crime por não aceitar o fim da relação, ele usou o veículo para quebrar o portão, invadindo o imóvel, e foi até o quarto onde estavam a ex-esposa e o atual namorado. Nas investigações da Delegacia da Mulher de Iporá, a Polícia descobriu que o aparelho que guarda as imagens da câmera de segurança (DVR) foi furtado da casa da vítima

Um vídeo feito por uma câmera de segurança da casa vizinha da mulher mostra o momento em que um Gol branco estaciona e o aparelho DVR é furtado. De acordo com o delegado Ramon Queiroz, responsável pelas investigações em Iporá, o fato chamou a atenção da Polícia.

“Durante as buscas e apreensão hoje, encontramos possivelmente o mesmo veículo na fazenda do político investigado. Nós iremos caminhar agora para tentar elucidar quem fez o furto desse aparelho de DVR, ou seja, que interferiu ou está interferindo diretamente na investigação”, disse Queiroz.