Jornal Diário do Estado

// Poder

Gayer candidato do PL em Goiânia? Não. Bolsonaro exige Vitor Hugo

Em

Se política tivesse lógica, o candidato do PL a prefeito de Goiânia no ano vindouro seria o deputado federal Gustavo Gayer. O rapaz foi candidato na eleição anterior, faturou o 4º lugar e constituiu algum recall: no ano passado, conquistou 83.604 votos na capital na disputa bem-sucedida por uma cadeira na Câmara.

Seria o melhor nome para o PL, sem dúvidas. Só que não é bem assim. Existem fatores imponderáveis que podem atrapalhar o lançamento de Gayer. O principal é a influência do ex-presidente Jair Bolsonaro dentro do partido. Bolsonaro já comunicou ao presidente nacional Valdemar Costa Neto: em Goiânia, quer Major Vitor Hugo como candidato a prefeito.

A lealdade entre o capitão e o Major é profunda, desde quando foram colegas de quarto na Academia Militar das Agulhas Negras. Por obra de Bolsonaro, Vitor Hugo tomou o PL goiano em 2022 e se meteu na fracassada aventura de concorrer ao governo do Estado, da qual saiu queimado no 3º lugar. Poderia ser candidato em Anápolis, em 2024, mas ouviu do amigo que é pouco, que deve se lançar em Goiânia e que o PL estará à disposição dele. Vai obedecer.

Tags: