Em entrevista, Anitta diz que já recebeu proposta de desvio de dinheiro público; “Eu falei: ‘não’ ”

Declaração foi exibida em trecho de entrevista que será exibida no Fantástico deste domingo (05). Cantora, que é alvo de polêmica da CPI do Sertanejo, afirma que proposta seria de rachar parte de valor contratado para show

A cantora Anitta se pronunciou sobre a polêmica que teria começado com ela sobre a farra de cachês de artistas em shows contratados por prefeituras. A famosa afirma que negou proposta de dividir valor contratado para apresentação pago com dinheiro público. A declaração teve trecho exibido no Jornal Nacional deste sábado (04) e será veiculada na íntegra no Fantástico na edição de hoje (06) .

“Eu já recebi propostas. Eu e meu irmão. Você cobra tanto, e eu pego um pedaço. Eu falei não”, confidenciou nesta semana durante inauguração de estátua de cera dela no museu Madame Tussauds de Nova York.

• Compartilhe essa notícia no Whatsapp• Compartilhe essa notícia no Telegram
A afirmação ocorre dias após o Ministério Público do Mato Grosso (MP-MT) anunciar que investigará a prefeitura de Sorriso e de outros 23 municípios do estado que teriam contratado irregularmente shows de cantores com cachês milionários.

LEIA TAMBÉM

• Vereador de Luziânia tem suspensão de cargo prorrogada a pedido do MP• Vídeo: Prefeito de Vianópolis anuncia cobrança de ingressos no Rodeio Show• Com ampliação de estrutura, número de custodiados trabalhando em presídio de Aparecida sobe para 350

Os MPs de Roraima, Rio de Janeiro, Minas Gerais e Rio Grande do Norte também apuram as supostas ilegalidades. A investigação tem como indício de desvio os valores contratados bem acima dos recursos empregados em áreas como saúde e educação. Apenas no Mato Grosso, as contratações para os espetáculos teriam chegado a R$ 5,7 milhões entre janeiro e maio deste ano.

Entenda a polêmica

A polêmica começou após o cantor Zé Neto, da dupla com Cristiano, comentar sobre uma tatuagem de Anitta na região anal e afirmar que ele e o parceiro de trabalho não recebem dinheiro da Lei Rouanet,  uma política de incentivos fiscais para projetos e ações culturais. O sertanejo acusou a funkeira de divulgar a tatuagem íntima para chamar atenção. O cantor Gusttavo Lima teve shows cancelados por ter um dos cachês mais altos dos colegas de profissão do mesmo gênero. Por meio de nota, ele negou irregularidades e se eximiu da responsabilidade de conferir a origem do dinheiro público pago a ele.

Tags: