10 maiores super-heroínas dos quadrinhos e das telonas

Confira a seguir a lista com as 10 maiores super-heroínas e seus poderes.

Por: Estefhanny Garcia

 

As super-heroínas tem ganhado bastante espaço nos últimos anos na cultura pop, como exemplos temos, Viúva Negra, Mulher Maravilha, Capitã Marvel e tantas outras que tem conquistado o coração das fãs, todas as heroínas possuem seus filmes solos. Mas você já parou para pensar qual dessas heroínas são mais poderosas? Na lista a seguir você vai descobrir quais são essas heroínas.

 

10 – Capitã Marvel

Carol Danvers era conhecida como Ms. Marvel, tendo o título antes de Kamala Khan assumir o manto. Carol teve um papel fundamental nos quadrinhos da Marvel desde os ano 70, mas a popularidade da personagem explodiu quando em 2012 a escritora Kelly Sue DeConnick e o artista Dexter Roy a reassumiram como Capitã Marvel. Carol Danvers é a mulher mais poderosa do universo Marvel e sem dúvida, a principal heroína feminina da editora.

 

9 – Mulher Maravilha 

Diana de Themiscyra representa o melhor da feminilidade e da humanidade, a personagem forte, compassiva, destemida e independente, como mulher maravilha, Diana é um pilar da Liga da Justiça e uma das maiores heroínas e guerreiras do universo DC. Embora seja uma personagem com origens complexas,  criaram uma personagem igualmente complexa, que tornaria um ícone feminista e a personagem que qualquer pessoa pensa quando  alguém diz “super-heroína”.

 

8 – Supergirl 

A Supergirl pode ter começado como uma personagem derivada do Super-Homem, mas para muitos fãs a heroína se tornou muito mais do que isso, a personagem representa um certo elemento da feminilidade que na maioria das vezes é encoberto na ficção.

 

7 – Batgirl

Barbara Gordon é um dos exemplos mais influentes, filha do comissário Jim Gordon e protegida de Bruce Wayne. Ela foi a Batgirl original, mudando seu indicativo para Oracle depois que o vilão Coringa quebrou sua espinha em The Killing Joke. Isso levou a um arco de recuperação único para Barbara, a medida que ela forjou um novo papel para si mesma como o centro de informações da equipe do Batman. A personagem é uma das únicas super-heroínas bastante conhecidas que usa uma cadeira de rodas, os fãs não ficaram nada satisfeitos em 2011 quando a DC reinicializou o arco da personagem.

 

6 – Viúva Negra

A Viúva Negra é uma personagem da Marvel desde os anos 60, mas apenas recentemente ela se tornou uma heroína particularmente proeminente no Universo Marvel, graças em grande parte seu papel fundamental como fundadora dos Vingadores. Mesmo o fato de  seu recente sucesso ser devido suas aventuras nas telonas, não se pode descartar seu papel nos quadrinhos. Embora a personagem ter sido no começo uma vilã, não demorou muito para que a Viúva Negra se tornasse uma Vingadora, uma carreira que ela equilibrou com seu trabalho na S.H.I.E.L.D e por conta própria a liderança do grupo por um tempo.

 

5 – Batwoman

A personagem tem uma história de origem em tanto irônica, dado seu papel posterior nos quadrinhos. A personagem apareceu pela primeira vez como o interesse amoroso do Batman na década de 50, logo após a publicação de Seduction of the innocent. Nos últimos anos a Batwoman foi reescrita e apareceu como uma mulher lésbica, os criadores de seus quadrinhos queriam que a personagem se casasse com sua namorada, mas a DC comics rejeitou argumentando que heróis não deveriam ter vidas pessoais felizes.

 

4 – Vespa

Janet Van Dyne não foi apenas primeira mulher vingadora, mas também a heroína que o nome aos Vingadores, embora a personagem tenha começado como uma espécie de parceira do Homem-Formiga, Janet rapidamente se tornou uma heroína por direito próprio, liderando o grupo várias vezes. A Vespa tem se projetado consistentemente e deixado para trás qualquer aparência de ser uma “donzela em perigo”, progredindo para os níveis superiores do elenco de heróis da Marvel.

 

3 – Arlequina

A Arlequina foi planejada inicialmente para ser um personagem secundário em Batman: A Série Animada. Ninguém poderia ter previsto que ela se tornaria um dos personagens mais conhecidos da DC. Como ajudante peculiar e amante do coringa, ela é uma personagem controversa cujo papel tem diferentes visões, para alguns a personagem é apenas Pin-Up sexy, já para outros a personagem é um retrato sensível de doença mental e sobrevivência a um relacionamento abusivo. A personagem brilhou mais quando fez parte do filme Esquadrão Suicida, Arlequina pode ser considerada o Deadpool da DC, uma anti-herói estranha e imprevisível e com um senso de humor bizarro além do passado sombrio.

 

2 – Tempestade

Ororo Munroe é uma rainha, uma deusa do clima e uma líder mutante, ela é incrivelmente legal, desde seu visual punk nos anos 80 até seus poderes. A personagem não tem muitos quadrinhos solo, mesmo assim ela continua sendo uma das personagens mais queridas dos X-Men. Ela teve algumas aventuras sólidas como membro líder de equipes dos X-Men, além de ter um romance com o rei de Wakanda o Pantera Negra.

 

1 – Jessica Jones

Jessica é uma detetive particular alcoólatra com super força e um passado sombrio, ela era uma super-heroína tradicional chamada Jewel, porem abandonou essa persona após sofrer uma lavagem cerebral e ser abusada pelo super vilão controlador da mente Kilgrave. Agora a personagem luta contra o estresse pós-traumático e o alcoolismo. Jessica é uma detetive particular de Nova York.

Tags: