Brasil perde para a Austrália no primeiro amistoso de outubro

As sul-americanas foram derrotadas por 3x1 em duelo que serviu de teste para Pia Sundhage

No CommBank Stadium, em Sidney, o Brasil enfrentou a Austrália na manhã deste sábado (23). O jogo foi o primeiro de dois amistosos contra as mesmas adversárias no mês de outubro, visando preparação para competições posteriores. Realizando muitos testes sob a técnica Pia Sundhage, a Seleção Brasileira de futebol feminino acabou sendo superada pelo placar de 3×1.

Brasil x Austrália, parte 1

No mês de setembro, após disputar os Jogos Olímpicos de Tóquio, o Brasil Feminino mediu forças duas vezes com a Argentina. Nos dois compromissos, a equipe canarinho saiu vitoriosa (3×1 e 4×1). Agora, em outubro, os dois amistosos são perante a Austrália, e o primeiro deles não terminou com um resultado positivo.

• Compartilhe essa notícia no Whatsapp• Compartilhe essa notícia no Telegram

A Seleção entrou em campo com a seguinte escalação inicial: Letícia; Bruninha, Antonia, Érika e Tamires; Ana Vitória, Andressa Alves, Kerolin e Ary Borges; Ludmila e Gio. A Austrália iniciou melhor a partida e conseguiu inaugurar o marcador. Aos 37 minutos, após cobrança de falta de Catley, Polkinghorne recebeu passe de Sam Kerr e balançou as redes para as donas da casa. Com a desvantagem no placar, o Brasil fez substituições no intervalo, mas voltou a ser vazado na marca dos 20 do segundo tempo. Fowler apareceu de cabeça para completar cruzamento e ampliar em Sidney.

As brasileiras reagiram rápido e diminuíram dois minutos depois, em bela jogada de Adriana. O time foi para cima das australianas em busca do empate, mas a equipe da Oceania marcou pela terceira vez, com Van Egmond fechando o placar no CommBank Stadium. Na próxima terça-feira (26), às 6h05, o Brasil volta a enfrentar a Austrália em mais uma amistoso preparatório. A próxima competição oficial que a Seleção vai disputar é a Copa América de 2022, que renderá vagas para a Copa do Mundo de Futebol Feminino. Além disso, a intenção é também realizar testes para as Olimpíadas de 2024, em Paris.

Tags: