Cidades turísticas goianas têm ocupação de quase 100% para julho

Encontrar vagas em Hotéis e pousadas de Caldas Novas, Pirenópolis e Alto Paraíso, na Chapada dos Veadeiros, já não é tarefa fácil

Quem deixou para organizar as malas na última hora pode não encontrar locais para reserva em três das principais cidades turísticas de Goiás. Faltando pouco menos de 10 dias para o início de julho, mês de férias escolares, a  ocupação em hotéis e pousadas de Caldas Novas, Pirenópolis e Alto Paraíso, na região da Chapada dos Veadeiros, já está em quase 100%.

Vale ressaltar que este é o primeiro ano sem restrições desde o início da pandemia de Covid-19. Além disso, com a maior parte da população vacinada, empresários e locadores de imóveis das três regiões acreditam que os turistas já se sentem mais seguros para viajar. Daí a explicação para a procura, grande e antecipada.

• Compartilhe essa notícia no Whatsapp• Compartilhe essa notícia no Telegram

Em Caldas Novas, um dos principais pontos turísticos do estado, algumas redes de hotéis não possuem mais disponibilidade para receber viajantes. De acordo com a Secretaria Municipal de Turismo, a taxa de ocupação dos hotéis já está acima de 90% e a previsão é que até o final deste mês a lotação esteja completa.

LEIA TAMBÉM

• Frente fria derruba temperatura, que chega a 5ºC em Goiás, nesta quinta e sexta-feira• Caiado tem 57% dos votos válidos, aponta pesquisa Diagnóstico• Custos do transporte por aplicativos aumentam e afetam profissionais e usuários

A movimentação turística foi sentida pelo empresário e locador Paulo Sérgio da Costa. De acordo com ele, mais 70% dos apartamentos que ele tem para alugar, não tem mais disponibilidade para julho.

“Está muito boa a procura, já estamos com 70 % já reservado. O pessoal está mais confiante, o medo acabou”, contou Paulo.

Área de lazer durante a manhã (Foto: Reprodução Arquivo pessoal/ Paulo Costa)

Em Alto Paraíso, região da Chapada dos Veadeiros, a situação é semelhante. Segundo a Secretaria de Turismo, são esperados 50 mil turistas, durante o período de férias. Até o momento, a cidade já conta com 80% dos hotéis ocupados. A expectativa é que aumente até o início do mês.

Já em Pirenópolis são poucas as opções para quem deixou para a última hora. O município está com mais de 95% dos hotéis e pousadas ocupados. Milhares de turistas devem visitar a cidade famosa por suas cachoeiras e áreas de lazer em contato com a natureza.

Tags: