DJ Ivis irá responder mais dois crimes contra Pamella Holanda

O produtor musical foi indiciado pela Polícia Civil do Ceará por mais dois crimes: ameaça, e injúria no âmbito da violência doméstica.

Os advogados de defesa do DJ Ivis não andam com sorte. E para o cantor à coisa está ficando cada vez pior. Iverson de Souza Araújo, que já está preso por lesão corporal contra a ex-mulher Pamella Holanda, foi indiciado pela Polícia Civil do Ceará por mais dois crimes: ameaça, e injúria no âmbito da violência doméstica.

De acordo com as informação do G1, um novo inquérito policial será aberto nos próximos dias para investigar as novas denúncias e existe a possibilidade de outro pedido de prisão contra DJ Ivis, conforme afirmou o secretário da Segurança Pública do Ceará, Sandro Caron.

O cantor continua preso no presídio Irmã Imelda Lima Pontes, na Região Metropolitana de Fortaleza. O DJ permanece à disposição da Justiça.

DJ Ivis foi preso no dia 14 de julho, dentro de um condomínio de luxo de Aquiraz, três dias após  Pamella compartilhou em seu Instagram os vídeos em que aparece sendo agredida com tapas, socos e chutes pelo então marido na frente da filha do casal de apenas nove meses.

Tags: