Ex-presidente da Câmara e ex-secretário de saúde são indiciados em Inhumas

A Polícia Civil de Inhumas indiciou o ex-presidente da Câmara dos vereadores da cidade, Célio Feliciano, o ex-secretário municipal de saúde, Carlos André Vila Verde Alvares Da Silva e o eletricista Rodrigo Rosa Leme Da Silva por peculato após a investigação demonstrar que os indiciados subtraíram aparelhos de ar condicionado de propriedade do município.

De acordo com as investigações, a Secretaria de Saúde de Inhumas adquiriu no ano passado 22 equipamentos para serem instalados nos postos de saúde. Mas a investigação e provas apontam que no mês de outubro de 2016 houve a subtração de 5 (cinco) desses produtos que estavam guardados em uma sala no Cais Municipal.

No relatório final, o delegado Humberto Teófilo ressalta que “o quadro fático produzido nesta fase pré-processual demonstra que o eletricista Rodrigo, responsável pela manutenção dos equipamentos e cunhado do ex- secretário de saúde, foi o responsável pela subtração dos eletrodomésticos que contou com o auxílio de Célio e Carlos André”.

Ele ainda pontuou “a triste realidade da saúde pública presenciada cotidianamente em nosso país, principalmente, nos finais de cada gestão. Unidades de saúde com péssimo atendimento, insuficiência de medicamentos, muitos profissionais desqualificados, pessoas morrendo na fila, tudo isso em razão da má – administração financeira”.

*Com informações da assessoria de imprensa da Polícia Civil
Tags: