Urgente: Ginecologista acusado de crimes sexuais volta a ser preso, em Anápolis-GO

Um novo inquérito policial foi instaurado após quatro vítimas declararem ter sido também abusadas pelo médico.

O medico Nicodemos Júnior Estanislau Morais, de 41 anos, voltou a ser preso nesta manhã de sexta-feira, (08), em Anápolis/GO. Ele foi levado para a delegacia logo após uma ordem de um mandado de prisão preventiva ser expedido pelo juízo criminal da comarca de Abadiânia, onde um novo inquérito policial foi instaurado após quatro vítimas declararem ter sido também abusadas pelo médico

Nicodemos é investigado por crimes de estupro de vulnerável e violação sexual mediante fraude, e também responderá este inquérito da Delegacia de Polícia (DP) de Abadiânia pelo mesmo crime.

• Compartilhe essa notícia no Whatsapp• Compartilhe essa notícia no Telegram

Um dia após a sua liberação, o medico deu entrevista para alguns veículos da imprensa, alegando que foi mal interpretado pelas vitimas.

 

Tags: