Mulher coloca fogo em namorado de filha: ‘não estou satisfeita com o resultado’

Homem precisou ser encaminhado para o hospital depois de sofrer queimaduras nas pernas e braças

Uma mulher de 45 anos foi presa neste domingo (15) em um ponto de ônibus, enquanto tentava fugir da cidade de Goianápolis depois de atear fogo no genro, Greino Raul Barbosa dos Santos, de 31 anos, que sofreu queimaduras nos braços e nas pernas e chegou a ser encaminhado ao Hospital Municipal de Anápolis.

O motivo do crime, segundo o Sargento da Polícia Militar, Augusto Sodré, está relacionado a indignação da mulher por não aceitar o relacionamento da filha com a vítima. 

• Compartilhe essa notícia no Whatsapp• Compartilhe essa notícia no Telegram

“A gente tomou conhecimento do caso via Copom e foi então fomos direto para o hospital. Ao chegar na unidade de saúde, a enfermeira informou que a sogra havia ateado fogo no genro. Ao ser abordada no ponto de ônibus já na saída da cidade, a mulher que estava aparentemente bêbada, relatou que não gosta da vítima e que não aceitava o relacionamento da filha, além de dizer que não estava satisfeita com o resultado”, disse. 

LEIA TAMBÉM

• Corpo do filho de Ronaldo Caiado será cremado na tarde deste domingo, 3• Morre Ronaldo, filho do governador Caiado• Tráfico de drogas e armas corre solto nas plataformas digitais

Depois de receber atendimento, o homem foi liberado pelo hospital, já a mulher foi presa e pode responder por tentativa de homicídio. Caso seja condenada, ela pode pegar uma pena de até 20 anos de prisão.

Tags: