Home»Carnaval»PRF inicia operação de carnaval com dicas e orientações

O Carnaval é um dos períodos mais críticos do calendário nacional de operações da PRF

0
Shares
Pinterest Google+ Whatsapp
(62) 9 8219-1904 Fale com o Diário do Estado



A Polícia Rodoviária Federal (PRF) começa a Operação Carnaval 2019 a partir desta sexta-feira (1º) até a quarta-feira (06). A ação é uma das etapas da Operação Rodovida, que começou no dia 14 de dezembro de 2018 e se encerrará no dia 09 de março de 2019.

O Carnaval é um dos períodos mais críticos do calendário nacional de operações da PRF, pois conta com grande fluxo de veículos nas rodovias federais e o uso abusivo de álcool é uma das principais preocupações do Órgão. Assim, a Operação Carnaval da Polícia Rodoviária Federal (PRF) é estruturada com reforço de policiamento em trechos e horários críticos nas rodovias federais, direcionado para pontos de maior incidência de acidentes e de flagrantes de condutas irregulares.
Policiais rodoviários federais estarão atentos a comportamentos perigosos como embriaguez, excesso de velocidade, falta de equipamentos de segurança (capacete, cinto de segurança ou cadeirinhas para crianças) e ultrapassagens indevidas, conduta que ainda ocorre com grande frequência e que pode definir a ocorrência de um dos acidentes mais letais, a colisão frontal.

Shows artísticos com diversas personalidades da cena musical acontecerão nos dias de feriado na cidade de Pirenópolis. A PRF montará esquema especial de fiscalização nos trechos de acesso e nas proximidades do município visando coibir principalmente a perigosa mistura álcool e direção.

Carnaval 2018
A PRF registrou 33 acidentes de trânsito nas Brs goianas durante o carnaval 2018, que deixaram 30 pessoas feridas e três pessoas morreram. Foram fiscalizados oito mil veículos e 2.700 pessoas passaram pelo teste por etilômetro, sendo que 96 foram autuadas por embriaguez e, dessas, 11 ainda foram presas. Os policiais rodoviários federais anotaram cinco mil infrações de trânsito, sendo 440 por ultrapassagens, 194 não uso do cinto de segurança e 4.456 imagens de veículos acima da velocidade.

Restrições de tráfego
A fim de promover a fluidez do trânsito em grandes feriados, quando há maior movimentação nas estradas, a Polícia Rodoviária Federal restringe em determinados dias e horários o trânsito de caminhões com excessos de dimensões, caminhões cegonha, caminhões bitrem e aqueles que precisam de autorização especial para transitar.
No feriado de carnaval, os dias e horários de restrição serão:

01/03/2019 sexta-feira: 16:00 às 22:00
02/03/2019 sábado: 06:00 às 12:00
05/03/2019 terça-feira: 16:00 às 22:00
06/03/2019 quarta-feira: 06:00 às 12:00.

Viagem com crianças
O art. 83 do Estatuto da Criança e do Adolescente dispõe que: nenhuma criança (pessoa até 12 anos incompletos) poderá viajar para fora da Comarca onde reside, desacompanhada dos pais ou responsável (tutor ou guardião), sem expressa autorização judicial.
Essa autorização não é exigida quando a criança estiver acompanhada de ascendente (avô ou bisavô) ou colateral (irmão ou tio), maior de dezoito anos. O parentesco deve ser comprovado por documentos do parente e da criança.
Tampouco é necessária a autorização judicial quando a criança viajar acompanhada de pessoa maior, expressamente autorizada pelo pai, mãe ou responsável.

Alertas para trechos de rodovias federais em Goiás

BR 050: Pode ser utilizada para quem quiser chegar a Três Ranchos. Rodovia com trechos de pistas simples com muitas curvas, partes em obras, do km 120 ao 286, com máquinas e trabalhadores na pista. Motoristas devem reduzir a velocidade e ser cauteloso ao passar pelo perímetro urbano de Catalão, onde há travessia de pedestres, ciclistas, entras e saída de de bairros e empresas.

BR 452: Buracos isolados, em pontos distintos, sendo que merece atenção especial o trecho entre os KMs 141 ao 151 (Dos trevos de acesso de Brejo Bonito e Santa Rosa do Meia Ponte).

BR 060 (Goiânia a Brasília): Boas condições.

BR 060 (Goiânia a Jandaia): Com pista molhada há o risco de aquaplanagem (quando os pneus perdem a aderência ao solo). Trecho entre os kms 170 e 227 com algumas irregularidades e buracos na pista de rolamento.

BR 080 – pavimento em boas condições, boa sinalização

BR 414 – Extensão de 146 quilômetros, é utilizada por quem quer acessar as cidades de Pirenópolis, Corumbá e Jaraguá. Rodovia de pista simples, sinuosa, acostamento reduzido, topografia íngreme e com intenso fluxo de caminhões. Motoristas devem estar atentos à sinalização de curvas, velocidade e locais de ultrapassagem.

BR 153 – Poderá ser usada por quem vai para Jaraguá, Uruaçu, Minaçu ou mesmo quem quer acessar Pirenópolis e Corumbá. Da divisa com o estado do Tocantins até o município goiano de Jardim Paulista a rodovia está recebendo reparos nos buracos, com trabalhadores e máquinas na via, o acostamento é estreito e a sinalização está precária. No trecho entre Jaraguá e Jaranápolis, a pista apresenta muitos buracos e irregularidades que podem gerar instabilidade aos veículos. Trecho que desperta preocupação: curva do S, no km 225, próximo ao entroncamento com a BR-080, onde desligaram os radares.

BR 153 – O trecho de Goiânia a Itumbiara encontra-se em boas condições.

BR 158 – No trecho entre Aragarças e Caiapônia existem buracos de grande extensão obrigando condutores transitarem pela contramão da via. Agrava a situação o fato do trecho não possuir acostamento. Vegetação alta compromete a visibilidade, sobretudo nas curvas. Há trânsito intenso de veículos de carga. Rodovia utilizada para chegar a Aragarças. No trecho de Caiapônia a Jataí o pavimento asfáltico é quase inexistente, com grande quantidade de buracos na via.

BR 364 – Rodovia utilizada por quem vai para o município de São Simão, na região sudoeste do estado. Encontra-se em maus estado de conservação em toda a sua extensão, com buracos na via, sinalização precária e intenso fluxo de veículos pesados.

Perímetros urbanos – quando a rodovia passa pela cidade, os motoristas devem redobrar os cuidados com pedestres (alto risco de atropelamentos) e atenção ao cruzar a rodovia nos trevos (muitos registros de colisões transversais)

Nos trechos de pistas simples, redobrar a atenção à sinalização, especialmente em curvas, e ultrapassar somente quando estiver seguro de que o tempo e a distância serão suficientes para completar a manobra.

Newsletter do Jornal Diário do Estado – Assine já!

Comente á vontade!