10 fatos peculiares sobre as ervas medicinais

Conheça os 10 fatos sobre as ervas medicinais

As plantas medicinais foram identificadas e usadas ao longo da história da humanidade, pois têm a capacidade de sintetizar uma grande variedade de compostos químicos que são utilizados para desempenhar funções biológicas importantes e para a defesa contra o ataque de predadores, tais como insetos, fungos, herbívoros e mamíferos. Pelo menos 12.000 desses compostos foram isolados até hoje, um número estimado em menos de 10% do total

Por: Barbara Zani

10. Um cuidado que todos devem ter em relação às plantas medicinais é sobre o armazenamento. Se não forem guardadas corretamente, elas podem trazer mais malefícios do que benefícios.

9. O estudo das plantas medicinais é chamado de fitoterapia. Ao contrário da medicina popular, a fitoterapia estuda exaustivamente o poder de cura das plantas antes de lançar qualquer remédio no mercado.

8. Outra fruta com propriedades ditas milagrosa é o limão. Todos sabem que o limão é rico em vitamina C, que ajuda a fortalecer o sistema imunológico, mas acredita-se que também seja tonificante do fígado, fortalecedor da visão, fluidificante sanguíneo, tonificador do sistema vascular.

7. O ginseng é usado pela medicina chinesa há mais de 3.000 anos.

6. China é o país que mais usa remédios à base de plantas no mundo.

5. Oriente Médio, o uso de plantas para fins medicinais vem desde a antiga Babilônia. Existem registros da utilização de plantas de 3.000 antes de Cristo.

4. Os chineses usam plantas medicinais desde 2.698 antes de Cristo, e, ainda hoje, recorrem a mais de 252 tipos com funções tidas como milagrosas.

3. O Bacupari, uma planta do cerrado brasileiro, está sendo estudado como anticoncepcional masculino.

2. O alimento mais rico em vitaminas é o fígado (de boi ou frango), mas alguns especialistas acreditam que algumas plantas não ficam atrás.

1. As plantas são usadas como afrodisíacos desde tempos imemoriais. Acredita-se que algumas folhas, flores e frutos tenham realmente poder de estimular o apetite sexual, entre elas o cravo, o gengibre, o salsão, o jasmim, a baunilha, o açafrão, a damiana

Tags: