Home»Celebridades»Baile da Vogue é remarcado após revista ser acusada de racista

Evento ganha nova data com a demissão da socialite Donata Meirelles à frente da direção de estilo da revista Vogue Brasil.

0
Shares
Pinterest Google+ Whatsapp

Depois da polêmica envolvendo Donata Meirelles,  socialite e agora ex-diretora da Vogue Brasil – que foi acusada de racismo após posar ao lado de duas baianas negras no seu aniversário de 50 anos em Salvador –  o badalado “Baile da Vogue” foi remarcado. O evento, que estava marcado para acontecer no próximo dia 21 de fevereiro ganhou nova data, será no dia 23 de março.

Em um comunicado, os organizadores esclarecem o motivo da remarcação:

“Com o objetivo de transformar o Baile de Gala da Vogue numa plataforma de inclusão no universo da moda, a Vogue entende que precisa de tempo hábil para implementar ações importantes e garantir que o baile seja efetivamente um marco deste novo momento. Por conta disso, o baile será transferido para 23 de março, um sábado, num momento mais apropriado e fechando em grande estilo as festividades de Carnaval com apoio dos patrocinadores.”

Alguns veículos de comunicação chegaram a anunciar que o evento seria cancelado e não ia acontecer mais este ano, porém a assessoria de imprensa do evento reagiu alegando que a noticia não passava de “fake news”.  O  Baile da Vogue é um dos eventos mais badalados do Brasil e reúne as mais importantes celebridades do país e convidados especiais.

Foto polêmica de Donata Meirelles onde ela posa com baianas em seu aniversário de 50 anos. Ela foi acusada de racismo nas redes sociais e pediu demissão do cargo de diretora de estilo da revista Vogue Brasil.

Newsletter do Jornal Diário do Estado – Assine já!

Comente á vontade!