CREDEQ desenvolve oficinas terapêuticas

O tratamento contra a dependência química no CREDEQ – Prof. Jamil Issy além de ações clínicas, conta com intervenções de apoio, como a Terapia Ocupacional, pela qual se busca superar com o paciente as suas dificuldades pessoais e construir a sua adaptação à vida em sociedade.

Para atender a demanda, duas terapeutas ocupacionais atuam no Centro de Referência e Excelência em Dependência Química, em Aparecida de Goiânia (CREDEQ – Prof. Jamil Issy): Stefania Siqueira Rosa (manhã) e Barbara Lima (tarde).

• Compartilhe essa notícia no Whatsapp• Compartilhe essa notícia no Telegram

Ambas atendem na Sala de Oficinas Terapêuticas, localizada na Ala Adulta Masculina. No espaço, os pacientes, diariamente, produzem diversos trabalhos manuais, com o propósito de melhorar o desempenho funcional e reduzir eventuais desvantagens, promovendo, potencializando e restaurando habilidades.

LEIA TAMBÉM

• Goiás participa de operação contra abuso de menores na Internet• Palmeiras, Fla, Ceará e Santos: noite quase perfeita para os brasileiros• Vídeo: com filho no colo, repórter faz matéria e criança “não dá sossego”

De acordo com a terapeuta ocupacional Bárbara Lima, durante a oficina são desenvolvidas atividades que estimulam aspectos cognitivos, aprimoram as relações interpessoais, diminuem a ansiedade e elevam a autoestima. A sua colega, Stefania Siqueira Rosa, ressalta, também, que aos pacientes do CREDEQ – Prof. Jamil Issy são disponibilizadas ferramentas que os possibilita maior probabilidade de reintegração à sociedade.