Homem oferece chocolate para abusar de criança em Porangatu

Suspeito teria aproveitado momento em que menor estava sozinha em casa para praticar o crime. Familiares acionaram a polícia e ele foi preso

Uma criança de Porangatu, no Norte de Goiás, foi vítima de crime sexual por parte de um homem que ofereceu chocolate para atrair a atenção da menor. Ele teria se aproveitado do momento em que a família teria saído de casa para chamar no portão e praticar o crime. O suspeito foi preso pela Polícia Civil (PC) na noite desta quinta, 30.

De acordo com as investigações, o homem é um conhecido da família da vítima. Relatos de parentes apontam que ao abrir o portão da residência para receber o visitante que oferecia o chocolate, ele teria agarrado e começado a tocar nas partes íntimas da menor de idade. As investidas terminaram somente quando o suspeito percebeu que pessoas se aproximavam do local.

• Compartilhe essa notícia no Whatsapp• Compartilhe essa notícia no Telegram

O caso foi denunciado pelos familiares, o autor encaminhado até Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA) da cidade e ele foi indiciado por estupro de vulnerável. O crime é tipificado pelo Código Penal como qualquer conjunção carnal ou qualquer ato libidinoso com menores de 14 anos, com ou sem consentimento. A pena é de reclusão de 8 a 15 anos.

LEIA TAMBÉM

• Mulher é amarrada, agredida e ameaçada de morte pelo marido, em Anápolis• Tendência nacional, mais lares goianos passam a ser chefiados por mulheres• Motorista que matou um e feriu oito em restaurante de Goiânia vai responder em liberdade

Tags: