Vídeo: após rejeição do voto impresso, Bolsonaro volta a atacar as urnas eletrônicas

O presidente Jair Bolsonaro acusou novamente a esquerda de ter pago milhões para hackers alterarem o resultado das eleições.

O plenário da Câmara dos Deputados rejeitou em primeiro turno a Proposta de Emenda à Constituição 135/19, conhecida como PEC do voto impresso. Foram 229 votos favoráveis, 218 contrários e uma abstenção. Como a matéria não obteve os 308 votos necessários para ser votada em segundo turno, a PEC foi arquivada.

Após a votação, o presidente da Câmara, Arthur Lira (PP-AL), agradeceu aos deputados pelo “comportamento democrático” e afirmou esperar que o assunto seja encerrado. “A democracia do plenário desta casa deu uma resposta a esse assunto e na Câmara eu espero que esse assunto esteja definitivamente enterrado”, declarou.

• Compartilhe essa notícia no Whatsapp• Compartilhe essa notícia no Telegram

Contudo, na manhã desta quarta-feira (11), o presidente Jair Bolsonaro acusou novamente a esquerda de ter pago milhões para hackers alterarem o resultado das eleições de 2018, quando ele mesmo foi eleito. No vídeo, o mandatário reforçou que não tem provas.

LEIA TAMBÉM

• Video: Moro é chamado de “juiz bandido” durante campanha em feira no Paraná• Assédio: mulheres denunciam ex-prefeito e candidato ao governo de Mato Grosso do Sul• PL oficializa candidatura de Bolsonaro à presidência e Braga Neto de vice

Confira o vídeo:

 

 

Tags: