Baiana desaparecida em Goiânia é encontrada no Mato Grosso

A jovem estava desaparecida desde o dia 30 de outubro

Ellen Santana dos Santos de 19 anos, foi encontrada na manhã desta terça-feira (23/11) no Mato Grosso. A jovem estava desaparecida desde o dia 30 de outubro. De acordo com familiares a jovem entrou em contato na manhã de hoje informando que está bem.

Segundo o primo de Ellen, Marcos Mendes, a jovem alegou não ter recebido o dinheiro necessário para comprar a passagem para a Bahia. E por isso, precisou retornar para o Mato Grosso, mas ficou impossibilitada de avisar a família. Por isso, o contato só foi possível uma após uma tia da jovem que estava na Bahia, retornar para o Mato Grosso.

• Compartilhe essa notícia no Whatsapp• Compartilhe essa notícia no Telegram

Marcos conta que a notícia foi recebia via Whatsapp. “Ela avisou por uma mensagem no whatsapp, do celular que ela comprou. Ela esta bem agora com a tia dela”.

LEIA TAMBÉM

• Bolsonaro tem agenda em Goiânia na quarta-feira, 24• Vídeo: Motorista desrespeita sinal de pare, bate veículo e invade supermercado, em Goiânia• Gasolina está mais barata, confira postos com menor preço em Goiânia e Aparecida

Ellen Santana dos Santos / Foto: Arquivo pessoal da família

 

A mensagem foi recebida com muita alegria e alivio para toda a família, que comunicou o desaparecimento da jovem às autoridades policiais de Goiás. Agora, eles agradecem o apoio recebido pela equipe do Diário do Estado e pela Polícia Civil (PC) do estado.

“Agradecemos a reportagem e a policia de Goiânia que se preocupou, ajudou. Porque nos estamos aqui (Bahia), mas sabemos o que foi feito para ajudar nossa família a encontrar ela”, agradeceu o primo da jovem.

A polícia já foi notificada sobre aparecimento da jovem.

Relembre o caso

A jovem trabalhava em Querencia (MT) e com saudades da família decidiu retornar para a Bahia. Para isso, ela saiu do Mato Grosso no dia 29 de outubro e desembarcou em Goiânia no sábado (30). Posteriormente, Ellen ligou para a mãe e disse que iria sacar um dinheiro para comprar a passagem com destino a Bahia.

Depois de duas horas do último contato com a jovem a família retornou a ligação, porém, ela já não atendia. Após diversas tentativas de contato, o celular de Ellen não recebia chamadas.  Com o intuito de ter notícias da baiana, a família entrou em contato com o ex-chefe da jovem, última pessoa que a viu. Entretanto, ele não sabia dizer onde Ellen estava.

Sem notícias, a família procurou a delegacia da Bahia para registrar um boletim de ocorrências, mas foram informados que eles deveriam registrar a ocorrência em Goiás.

” A gente foi registrar uma ‘queixa’ na Bahia, eles falaram que era em Goiânia. A de Goiânia falou que era no Mato Grosso e a de Mato Grosso jogou para Goiás de novo. A gente mesmo não sabe o que fazer. Estamos desesperados “, contou Marcos.

Por causa disso, Diário do Estado, procurou o delegado da Delegacia Estadual de Investigações Criminais de Goiás, Glaydson Carvalho, que orientou a família a registrar o boletim através da delegacia virtal.

Tags: